Já ouviu falar da Geração Y ?

A chamada “Geração Y” é formada por jovens com idades entre 18 e 24 anos, que cresceram em uma época marcada por grandes avanços tecnológicos e prosperidade econômica. Ela representa um novo perfil de jovens em fase de ingresso nas universidades e no mercado de trabalho e, por isso, o tema tem sido muito abordado por veículos de comunicação e profissionais de empresas de todas as atividades.

Para conhecer de perto os novos experts em tecnologia, a divisão OnePointNine, do Instituto de Pesquisas Synovate, realizou um estudo em associação com a Microsoft  consultando cerca de 12 mil jovens em 26 países. O resultado mostrou algumas diferenças significativas entre épocas. Atualmente, os jovens se mostram mais pragmáticos e se ligam às questões relacionadas à sua segurança e estabilidade, com muita importância para a família sem, contudo, abdicar de suas responsabilidades.

A “Geração Y” também tem disposição para se envolver com marcas e produtos e, no caso destes jovens, a Internet exerce papel fundamental, sendo a chave do relacionamento. Neste ponto, o trabalho mostrou que eles levam tecnologia muito a sério e, apesar de pragmáticos, são sagazes e têm boa base de conhecimento para sustentar as decisões de compra.

“Early adopters”

Os jovens, sem dúvida, são realmente ávidos por adquirir novos dispositivos. No entanto, o seu uso e valor precisam ser comprovados e a preocupação em ter algo que em breve cairá de preço é sempre constante. Eles são especialistas em potencial, dispostos a dar sua opinião e trocar informações online, cientes da capacidade de influenciar os outros.

• 86% possuem computadores
• 70% possuem aparelhos de MP3 ou iPod
• 95% possuem celular ou smartphone

O celular, por sua vez, é visto como um dispositivo de entretenimento, uma vez que os jovens o usam para falar, bater papo, ouvir música, tirar fotos, acessar a Internet, além de gravar e assistir vídeos. Além disso, continua sendo o meio favorito para assuntos de cunho pessoal, envolvendo temas como preocupações, fofocas e tarefas escolares.

• O gasto semanal com a conta de celular no Brasil é em média de R$45
• 30% dos jovens brasileiros assistem a videoclipes em seus dispositivos
• 25% acessam a Internet pelo celular

Consumo de mídia online

A TV ainda não está morta e o celular ainda é o item de tecnologia mais difundido. Mas, para a “Geração Y”, o PC emerge como o centro do universo de mídia. O mesmo conteúdo consumido nos tradicionais aparelhos de TV, já pode (e deve) ser acessado em outros dispositivos. Para esta geração, TV significa vídeo, distribuído sob demanda. Alguns dados importantes:

• 53% usam celular enquanto assistem TV
• 61% usam a Internet enquanto assistem TV
• 59% consideram o PC e a conexão com a Internet muito importantes
• 38% assistem TV no PC
• 82% assistem a videoclipes online mensalmente

Redes Sociais

As redes sociais e serviços de mensagem instantânea, como o Messenger, já fazem parte da rotina destes jovens. Neste sentido, quase a metade do tempo que eles permanecem na Internet é passada em sites ou ferramentas de interação social, embora esse tempo não substitua o relacionamento pessoal.

Windows Live Messenger

• 90% utilizaram serviços de Messenger, no último mês, no Brasil
• 54% compartilham arquivos de música, no Brasil, pelo Messenger
• 41% trocam fotos pelo Messenger Pictures
• 29% compartilham fotos pelos serviços de redes sociais
• 25% carregam clipes de Marketing e Propaganda em seus sites

Com base nisso tudo, o que podemos aprender e tirar de lição de todas essas informações?

É imprescindível, para empresas de todos os setores, entender as mudanças ocorridas entre as gerações, a fim de estabelecer uma comunicação adequada e eficiente com este público.  É importante conhecer os seus hábitos e preferências, além de proporcionar aos anunciantes e agências um rico material para decidir qual a melhor opção para atingir essa audiência.

Fonte: Microsoft Connections

Leonardo R.

Analista de TI, graduado em Internet e Redes de Computadores, apaixonado por tecnologia, música e viagens. Mountain biker por hobby, e jogador de Xbox One e alguns jogos da Blizzard nas horas vagas. Também curte fotografia, filmes, séries e web em geral.