Review Philips Smart Media Box HD Media Player HMP3000

Há algumas semanas atrás, adquiri esse Media Center HD Media player HMP3000/55 da Philips aproveitando os descontos em sites na web, já que seu preço normal fica entre R$210 e R$300 dependendo da loja, para assistir meus filmes em HD sem ter que ficar desligando o cabo HDMI do MacBook e ligando na TV.

Não se trata de um lançamento, ele já se encontra no mercado há cerca de 1 ano. Mas pelas suas qualidades e preço, vale a pena comprar se você gosta de assistir filmes e episódios de séries.

hmp3000_12

Trata-se de um equipamento Media Center quase completo, que consegue reproduzir arquivos de vídeo em alta definição, músicas e fotos armazenados em um pen drive, Cartão SD ou HD externo – se você não possui um, dê uma olhada no Groupon onde há ofertas frequentemente.

Uma das coisas que mais me surpreenderam além de suportar os mais populares formatos de arquivos de vídeo (MPEG, AVI, RMVB, MP4, WMV, DivX, Xvid MPEG4, MOV, RM, TS, M2TS, TP, TRP, ISO, VOB, DAT, MPG, ASF, FLV, MKV, M4V e Dvix Plus HD), foi o fato de também conseguir fazer a leitura dos sistemas de arquivos NTFS e HFS – esse último foi essencial para mim, já que uso Mac OS X e não precisei formatar o HD em FAT para que o aparelho rodasse os meus filmes e séries. Não sei se também lê partições do Linux, já que não tenho aqui.

O HMP3000 também lê arquivos de legenda, desde que incluídas na mesma pasta do arquivo de vídeo, nos formatos ASS, PSB, SMI, SRT, SSA, SUB e TXT. E inclusive possui opção para você alterar tamanho, cores e alinhamento vertical.

Ele é bem pequeno, pouco maior que um Apple TV, o que é bom por ocupar pouco espaço na sua mesa. O aparelho em si também não possui botões, todas as funções inclusive ligar e desligar são feitas pelo controle remoto.

Em questão de conectividade, temos na lateral uma entrada para Cartão SD e uma porta USB. Na parte traseira fica a porta HDMI para você ligar na sua TV, e 2 saídas de áudio – 1 TOSLINK (optical digital audio) e uma P2 para você ligar home theater ou caixinhas de som. Na minha opinião, caberia fácil ali uma porta RJ45 para você conectar o Media Player à rede (e porque não à Internet para baixar legendas, atualizações, etc.?).

conectividade

Seu menu inicial e  opções de configuração possuem fácil acesso e não é necessário ser um expert no assunto para utiliza-lo ou alterar suas configurações. Até mesmo uma possível atualização do firmware é bem simples de ser feita – basta espetar um pen drive com o arquivo que o software do HMP3000 lê e identifica que é um arquivo de versão mais recente.

Pontos Positivos

  • Leitura de partições NTFS e HFS
  • Fácil uso e navegação simples no menu
  • Todas as funções executadas no controle remoto
  • Roda filmes em 3D (desde que sua TV suporte)

Pontos Negativos

  • Apesar de ter grande opção de tamanho de legendas, chega em um ponto em que não é mais possível aumentar o tamanho.
  • Não armazena em memória as configurações de legenda previamente alteradas como tamanho, cor, fonte. A cada novo vídeo assistido você deve mudar o tamanho.
  • Falta de conexão à rede, seja via cabo ou wi-fi

Onde comprar o Media Player HMP3000:

Leonardo R.

Analista de TI, graduado em Internet e Redes de Computadores, apaixonado por tecnologia, música e viagens. Mountain biker por hobby, e jogador de Xbox One e alguns jogos da Blizzard nas horas vagas. Também curte fotografia, filmes, séries e web em geral.